indigestão

Congestão ou Indigestão: Causas e Sintomas mais Frequentes

A indigestão, congestão ou dispepsia designa uma digestão anormal, isto é, que não foi feita convenientemente. Este problema afeta aproximadamente 25% da população dos países desenvolvidos. Esta condição pode estar associada a outras doenças ou ser uma consequência de maus hábitos de vida.

Quais as causas e sintomas desta doença? Fica a saber.

indigestão

Congestão ou Indigestão: Causas e Sintomas mais Frequentes

indigestão

A congestão é um dos problemas gástricos mais recorrentes. Ele pode estar relacionado com outras doenças (dispepsia orgânica), tais como:

  • Úlceras gástricas ou duodenais;
  • Gastrite;
  • Perturbações da motilidade intestinal;
  • Cancro gástrico;
  • Bloqueios intestinais;
  • Obstipação;
  • Infeção por H. pylori.

Ou com um estilo de vida marcado por alguns maus hábitos, nomeadamente:

  • Ingerir alimentos muito condimentados ou ricos em gordura (carnes vermelhas, manteigas, etc.);
  • Consumir em excesso estimulantes como o álcool e a cafeína;
  • Consumir bebidas carbonatadas (refrigerantes ou água com gás);
  • Comer muito depressa ou em quantidades excessivas;
  • Fumar;
  • Sofrer de ansiedade e de depressão;
  • Tomar alguns medicamentos (como anti-inflamatórios e antibióticos).

A congestão também se pode manifestar, sem ter nenhuma doença associada (dispepsia funcional).

Sintomas

Há vários sintomas que podem indiciar um quadro de congestão, tais como:

  • desconforto;
  • dor epigástrica (na parte superior do abdómen ou no peito);
  • distensão abdominal;
  • saciedade precoce;
  • arrotos;
  • ruídos abdominais;
  • náuseas;
  • vómitos.

Em casos mais graves, pode surgir outra sintomatologia, nomeadamente:

  • fezes com sangue;
  • febre; 
  • perda de peso;
  • fraqueza. 

No entanto, de um modo geral, a congestão não está associada a complicações graves.

indigestão
Indigestão
Tratamento

Na maior parte dos casos, a congestão pode ser tratada e prevenida com a mudança de alguns hábitos de vida, tais como:

  • Fazer uma alimentação equilibrada e saudável, privilegiando frutas, legumes, verduras, grãos integrais e alimentos não processados;
  • Diminuir a ingestão de alimentos de mais difícil digestão, como chocolate, carnes com elevado teor de gordura, bebidas gaseificadas e alcoólicas, alimentos condimentados (pimenta, caril, gengibre), alimentos fritos e molhos, alimentos processados e de charcutaria;
  • Mastigar bem, devagar e calmamente, de modo a facilitar a digestão e a otimizar a ação dos sucos digestivos;
  • Fazer pequenas e várias refeições ao longo do dia (pelo menos três refeições principais e duas intercalares), de modo a diminuir o trabalho gástrico, durante o processo digestivo;
  • Ter horários regulares para as refeições;
  • Evitar deitares-te ou sentares-te logo após a refeição (idealmente, deves procurar fazer uma caminhada de cerca de 20 minutos, depois de cada refeição);
  • Evitar ou moderar o consumo de tabaco, café e chá;
  • Não ter excesso de peso;
  • Evitar o stress;
  • Praticar exercício físico regularmente, pois ajuda a melhorar o trânsito intestinal; a evitar o stress e a controlar o peso;
  • Tomar medicamentos procinéticos, inibidores da bomba de protões, antibióticos ou antieméticos (apenas em alguns casos e após recomendação médica).

Se costumas sofrer, frequentemente, de congestão, então, deves seguir os conselhos que deixámos, mas também visitares um gastrenterologista. Para isso, só tens de ir a doctorino.pt e agendares já a tua consulta de gastrenterologia

Indigestão
Artigos Recentes
doenças neurodegenerativas
Há mais de 600 doenças neurodegenerativas. Percebe as suas principais consequências
Há mais de 600 doenças neurodegenerativas, sendo as mais conhecidas Huntington, Parkinson e Alzheimer (esta...
doenças autoimunes
Sabes o que são doenças autoimunes? Nós explicamos
Numa doença autoimune, é o próprio sistema imunitário que agride o corpo. Por isso, nestes...
prevenção da anemia
Conhece os sintomas e modos de prevenção da anemia
A anemia é uma condição que se caracteriza por um conteúdo reduzido de hemoglobina no...