colite ulcerosa

Colite ulcerosa: de que se trata e quais os seus sintomas

Em Portugal, há aproximadamente 20 mil pessoas com colite ulcerosa. Esta doença corresponde a uma inflamação na região terminal do tubo digestivo que afeta a camada mais interna da parede do cólon e do reto. Esta inflamação é difusa e contínua e pode ter um grau de severidade variável.

Assim, a colite pode ter uma manifestação ligeira ou estar na origem de abcessos e/ou ulcerações. A sintomatologia também não é constante, sendo esta patologia caraterizada por período ativos e inativos da doença, os quais podem variar quanto à sua duração. 

colite ulcerosa

Colite ulcerosa: de que se trata e quais os seus sintomas

Na origem da colite ulcerosa, está uma reação exacerbada do organismo a substâncias de origem alimentar ou a outras que estejam presentes no tubo digestivo. Assim, nas causas desta doença podem estar

  • alterações no sistema imunitário;
  • alterações na vascularização;
  • infeções;
  • alimentos.

Esta doença pode afetar pessoas de qualquer idade, sendo geralmente diagnosticada em indivíduos ainda jovens. Alguns dos seus fatores de risco são: genética; pertencer ao género feminino; viver nas cidades.

colite ulcerosa
pexels-sora-shimazaki-5938354
Sintomas

A sintomatologia associada à colite ulcerosa pode ser súbita ou progressiva. Os seus principais sintomas são intensos e manifestam-se por meio de:

  • diarreia com sangue, pus e/ou muco;
  • dor abdominal;
  • febre;
  • perda de peso.

Outros sintomas que podem estar relacionados com a colite ulcerosa são:

  • artrite;
  • lesões da pele;
  • problemas oculares;
  • hepatite;
  • alterações biliares;
  • anemia.

Nota: Apesar de poder apresentar algumas semelhanças com a Doença de Crohn, a colite ulcerosa atinge apenas as zonas do cólon e do reto.

Diagnóstico

Para chegar ao diagnóstico desta doença é necessário considerar:

  • a história clínica do doente;
  • a sintomatologia manifestada;
  • o exame ao paciente;
  • os exames adicionais, tais como análises ao sangue; análises às fezes; radiografias com contraste; retossigmoidoscopia ou colonoscopia; tomografia computorizada; e ressonância magnética.

 

Todos estes exames, permitem perceber a gravidade da colite ulcerosa e as suas eventuais consequências no organismo do doente.

Tratamento

Para tratar a colite ulcerosa, pode ser necessária a toma prolongada de alguns medicamentos, que aliviem os sintomas e aumentem os períodos de remissão da doença.

Contudo, aproximadamente metade das pessoas com colite ulcerosa precisam de tratamento cirúrgico. Neste caso, é feita a ressecção cirúrgica da totalidade do cólon e do reto. Esta é a solução mais indicada para doentes que:

  • não respondem ao tratamento farmacológico;
  • sofrem de hemorragias graves, perfurações da parede intestinal, infeções ou outras consequências graves;
  • corram maior risco de vir a ter cancro.
Doença de Crohn

Esta é, por isso, uma doença que deve ser diagnosticada o mais precocemente possível, de modo a tentar controlá-la e a evitar ao máximo os períodos de crise. Assim, é importante estar alerta para os sintomas enumerados acima e, caso eles persistam, consultar um médico e realizar exames que permitam fazer o despiste da colite ulcerosa.

Apesar de se poder revelar uma patologia mais ou menos grave e com mais ou menos efeitos secundários, ela acaba sempre por condicionar a vida do doente, principalmente se ele não tiver um acompanhamento médico regular e adequado.

Por esse motivo, se sofres de colite ulcerosa, vai a doctorino.pt e agenda já a tua consulta de gastrenterologia.

colite ulcerosa
Artigos Recentes
doenças neurodegenerativas
Há mais de 600 doenças neurodegenerativas. Percebe as suas principais consequências
Há mais de 600 doenças neurodegenerativas, sendo as mais conhecidas Huntington, Parkinson e Alzheimer (esta...
doenças autoimunes
Sabes o que são doenças autoimunes? Nós explicamos
Numa doença autoimune, é o próprio sistema imunitário que agride o corpo. Por isso, nestes...
prevenção da anemia
Conhece os sintomas e modos de prevenção da anemia
A anemia é uma condição que se caracteriza por um conteúdo reduzido de hemoglobina no...